Como não estragar uma boa série de livros

quinta-feira, julho 20, 2017



E o post de hoje vai para aquelas minhas queridas amigas bookaholics, que devoram livros em poucas horas, assim como eu.
Não pretendo transformar esse blog em resumos de livros, mas quando se trata de uma série que eu realmente gosto muito, falar sobre chegar ao fim dela é necessário.
E claro que até agora não falei do livro, mas aposto que a foto já revelou.

A Seleção é uma série composta por três livros que contam a história de um reino chamado Illéa, existente em um mundo pós-guerra e que, entre todos seus conflitos políticos, decide manter uma tradição na qual é feita uma seleção para escolher a futura rainha.
São 35 garotas, um príncipe quase perfeito e uma coroa.
Com isso vocês já podem imaginar que desde a disputa de poder, rixas femininas e uma protagonista completamente confusa, até guerras e mortes horrorosas, são fatos dessa série.
O ponto chave é que a trilogia da Seleção deixou muita saudade e a autora, Kiera Kass, quis aproveitar esse sentimento para dar continuidade na história com mais dois livros.

Entramos então na sala A Coroa, que conta como a filha do rei e da rainha se saiu em sua própria seleção.
Eu nem quero entrar em detalhes da história, mas se você é realmente fã da trilogia, pare de ler por ali. É simplesmente aterrorizante ver como todo um brilho de uma história pode acabar em um simples capítulo ruim.
O livro seguiu a fórmula mágica dos anteriores, uma protagonista que não quer uma seleção e muito menos se apaixonar, reviravoltas políticas e uma agonia infinita nos últimos minutos... Tudo isso com um toque de falta de criatividade, perda total de referência e uma viagem sem fim ao mundo do nada a ver.
O que poderia ter sido uma continuação excelente da história do rei e da rainha, se tornou uma massante livro pré-adolescente, no qual você já sabe o final e não se aguenta com toda a enrolação. E aí, quando aparece um vilão mais ou menos bom, todo o plano maligno dele é desfeito com um desfecho patético.

Pode parecer exagerado da minha parte, talvez minha fase de historinhas tenha passado, mas foi uma das piores continuações que tive a oportunidade de ler na minha vida, não foi atoa que demorei anos para tomar coragem de terminar os livros.
Já está difícil conviver com história de amor frustrantes no mundo real, despender meu precioso e raro tempo para vivenciá-las na literatura não faz parte dos meus planos.

Não recomendo nem um pouco a continuação.
A Seleção RAINHA, A continuação NADINHA.

P.S.: talvez eu esteja um pouco de mau humor.

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Blog Archive

PINTEREST